quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Estreia hoje "1 contra 100", no SBT



Nesta quarta-feira, o SBT dá o pontapé inicial em mais uma aposta para alavancar a audiência do horário nobre da emissora. Trata-se da estreia do game show "1 contra 100", que vai ao ar hoje às 22:30 e que vai bater de frente com o futebol na Rede Globo. Visto como uma das maiores contratações do SBT nos últimos anos, Roberto Justus é o apresentador do novo programa que pretende misturar conhecimentos, suspense, emoção e é claro, entretenimento.
“1 contra 100” é uma criação da Endemol (mesma criadora do formato do reality “Big Brother Brasil”) e tem direção de Paulo Franco.
Ao contrário da sua postura em seu último trabalho, "O Aprendiz", na Record, no qual ele ostentava um estilo sisudo e arrojado, Roberto Justus tentará mostrar aos telespectadores o seu lado mais descontraído no comando do game show semanal, através de brincadeiras semelhantes às que o patrão Sílvio Santos fazia no "Show do Milhão", mas ao mesmo tempo pressionando também o jogador principal no decorrer da competição.

"Eu precisava mostrar um outro Roberto Justus para o público. Era o momento de fazer algo diferente e o SBT acenou a bandeira para mim na hora certa. O SBT foi mais apetitoso. O formato inédito de ‘1 Contra 100’ tem tudo para se tornar uma excelente opção de entretenimento para toda a família. Acredito que os telespectadores brasileiros vão receber a atração com muito carinho, repetindo o que acontece nos 34 países onde o programa é apresentado. Estamos nos esforçando, em cada detalhe, para conquistar o público com um conteúdo diferenciado, cheio de surpresas e com uma qualidade incrível”, declara o empresário e apresentador.

A dinâmica do programa ocorre da seguinte forma: 100 candidatos disputam o prêmio de 1 milhão de reais com um único jogador que fica ao lado do apresentador no centro do cenário gigantesco. De frente para os seus 100 concorrentes, o jogador solitário precisa responder as perguntas de conhecimentos gerais feitas por Roberto Justus. Tanto o jogador quanto a multidão podem respondê-las. Mas, para o jogador se sair bem no resultado final, é necessário que o maior número possível de oponentes erre a resposta e deixe a atração.

Voltando ao assunto contratação, o apresentador declarou recentemente que a oferta salarial não foi o motivo principal para trocar a Record pelo SBT:

"Não foi por dinheiro. Eu fui seduzido pelo Silvio Santos. Foi gostoso ouvir que éramos parecidos: ambos apresentadores e empresários. É uma honra ser comparado a ele."

O contrato de Justus com o SBT é diferente do que ele tinha na Record. Na nova emissora, ele agora divide os lucros e despesas com o canal. Além de "1 contra 100", Roberto Justus ainda vai comandar um especial de fim de ano no SBT, no dia 23 de dezembro, nos mesmos moldes do show de Roberto Carlos na TV Globo. Já no primeiro semestre de 2010, ele deve comandar uma segunda atração no canal, que ainda não foi definida.
Particularmente, estou ansioso pela estreia de "1 contra 100". O programa parece ser muito interessante e divertido. Só o cenário espetacular já é de encher os olhos. Além disso, também quero ver como o Justus vai se sair no comando de um game show, um programa de estilo bastante diferente de "O Aprendiz". O programa promete!

3 comentários:

Britto disse...

Quero ver como Justus se sai nesse formato diferente!

Paulo Roberto Montanaro disse...

Eu não acredito muito no estilo família de game show do SBT, principalmente com um cara como Justus. Não que eu não goste dele, ao contrário, ele foi o melhor apresentador que pôde haver para "O Aprendiz" porque sabe fazer o tipo chefão e é essa a imagem dele. Espero estar errado e que dê certo, porque sou fã do cara, ainda que ele concorra com o futebol. Seu público alvo é a família... onde a mulher manda no controle remoto... rs

Há braços
Paulo

BLOGARITMOX disse...

Pra mim, o RJ deu muito certo no Aprendiz. Era mais a cara dele. "1 contra 100" tem jeito de ser mais descontraído, coisa que ele tenta muito parecer, mas que até agora não me convenceu.

Vamos ver no que vai dar!